Estudar: 10 dicas para estudar mais facilmente

estudar

Estudar com o regresso do período escolar (escola/universidade), quantos de vocês já disseram “Eu quero ter melhores notas este semestre!”.

Mas passado 1 mês e com o amontoar de trabalhos e matérias para estudar acabas por perder o controlo, e simplesmente desistes e aceitas notas mais baixas.

Sejamos sinceros, todos nós já passamos pelo mesmo…

MAS BASTA! Aqui ficam dicas simples para estudares com mais facilidade e controlares as tuas notas!

estudar1) #Vida de Estudante

Organiza o teu tempo de estudo de forma eficaz e eficiente

Uma das coisas mais difíceis no período escolar e universitário é levantar cedo, e ter tempo para fazer qualquer coisa até mesmo estudar e preparar para os exames.

No entanto, se organizares bem o teu tempo, em especial os teus padrões de sono, tens mais do que tempo suficiente para estudar, frequentar assiduamente as aulas, dormir e até mesmo praticar o teu hobby favorito ou simplesmente sair para te divertires.

Primeiro vamos fazer um simples cálculo: o dia tem 24 horas, se despenderes 8 horas para dormir + 8 para frequentar a escola/universidade, dá um total de 16 horas, se contares com 2 horas como “tempo perdido” para comer, vestir, escovar os dentes, etc …

Ainda tens 6 horas. Deixando 2 horas para estudar, e um total de 4 horas para fazer o que quiseres e bem entenderes (já para não falar nos fins de semana), ainda sobra muito tempo para te divertires, e assim não és prisioneiro dos estudos.

2) # Estudar SmartNotHard

Estudo eficaz não é significado de noite em claro…

Não precisas de ficar acordado a noite inteira durante a época de exames a estudar (nem é saudável), se organizares o teu tempo (dica anterior) e dedicares 2 horas diariamente, só terás que rever tudo para os exames e 80% do trabalho está preparado, feito, finito! Cientistas também sugerem estudar o mesmo tópico mais que uma vez, pois estás a criar uma memória mais forte que faz com que relembres de forma ainda mais fácil.

3) #WorkOut

Sacode o esqueleto e verás a tua performance durante o estudo a melhorar

Praticar um desporto ou simplesmente sair para dar uma caminhada torna o teu cérebro mais ativo, os pensamentos mais objetivos, e melhora a própria circulação sanguínea para o cérebro, portanto, tens mais foco e um aumento da produtividade, para estudar e preparares-te para os exames.

Com um corpo saudável, uma mente saudável!

4) #Gere o teu tempo

Usa e abusa de maneira eficaz o tempo em escola/universidade

8 horas ou mais gastas na universidade é bastante tempo, e a maioria acaba por se sentir aborrecido,  acabando por passar o tempo a desejar que essas 8 horas passem bem rápido! Quem nunca?

Mas calma, já consideras-te fazer um melhor uso dessas 8 horas? Que tal, ao frequentar uma aula, em vez de bocejar e sentires-te aborrecido, prestar muita atenção e absorver o que o professor realmente está a falar?.

Inicia uma discussão com ele, faz tantas perguntas quanto a tua mente permitir e não te esqueças de fazer os teus próprios apontamentos, assim somas 50% de estudo (se não mais) por hoje.

5) # Ler Alto E em Bom Som

Enquanto lês alto estás a estudar

Não basta rolar os olhos ao longo do livro, ficas aborrecido e perdes o foco em 3 tempos. Enquanto lês estás a memorizar algo, e esse processo faz com que o teu cérebro fique mais ativo, logo irás memorizar mais rápido.

6) # Documentários

Assiste a documentários, estás a estudar de forma visual

Assistir a documentários sobre o tópico que achaste mais complicado (ou sobre qualquer tópico em específico) faz com que compreendas melhor os detalhes. É como ter cientistas (os que criaram esses documentários) como professores, observar a informações através de imagens e de forma divertida é mais eficaz. Estás a estudar sem dar conta…

7) # Ajuda Visual

Utiliza meios visuais para te ajudar na preparação dos exames

Tenta desenhar gráficos e diagramas e cria o teu mapa mental, estes são métodos que ajudam a organizar as tuas ideias mais rápido do que esperas!

Dica extra: pesquisa mais acerca de mind maps, são uma ajuda fantástica durante a preparação para os exames , ajudam-te a decorar a matéria de forma visual e lógica.

8) # Hoje o Professor Sou Eu

Estuda a ensinar…

Ensinar algo que entendes, faz com que entendas ainda melhor e nunca mais te esqueças, além de ajudares um amigo ou colega, estarás a estudar e a absorver a matéria e a memoriza-la.

9) # Grupo de Estudo

Forma um bom grupo de estudo

Estudar em grupo é uma espada de dois gumes, alguns grupos são péssimos para estudar, onde a distração é a palavra de ordem. Contudo há grupos mais produtivos, aqueles onde existe partilha de pontos de vista sobre um determinado tópico, e até alguma diversão enquanto estudas com amigos.

10) # Vida Saudável

Estudante saudável, estudo feliz

O que queremos dizer com vida saudável? Simples, deves dormir o suficiente diariamente (cerca de 6-8 horas), comer de maneira saudável, aumentar os vegetais na tua dieta e limitar o máximo possível de “junk food”, opta por comer os alimentos que nutrem o cérebro e a memória; a maioria dos frutos secos (pistache em especial), vegetais verdes e marisco são boas fontes de vitaminas e nutrientes que são importantes para o cérebro.

Os suplementos alimentares que incluem Ginkgo biloba, Fosfatidilserina, Omega-3 e Vitaminas B têm grande reputação entre os suplementos cerebrais.

Um suplemento cerebral pode ser o teu aliado pois ajuda-te na concentração, memória e atenção. Estarás não só nutrir o teu cérebro, como ainda podes ter uma melhor performance cerebral durante o estudo.

Como te pode ajudar? A sua fórmula com Ómega-3 ajuda no aumento da concentração e capacidade de aprendizagem.

A Fosfatidilserina e a Fosfatidilcolina podem melhor a função cognitiva, e melhorar a memória. E a excelente combinação de vitaminas, minerais e aminoácidos podem contribuir para que o cérebro melhore a sua capacidade de atenção.

Cerebrum.pt pertence à Natiris.pt

Palavras-chave: estudo, estudo mais fácil, fácil, semestre – Estuda, matéria/s, estudares, estudos, exames, cérebro, memória, atenção

Vitaminas e minerais nas crianças

Vitaminas

As vitaminas e minerais, embora não possuam valor energético, são indispensáveis no dia-a-dia da criança, pois atuam como combustíveis para um bom desenvolvimento físico, motor, neurológico e emocional.

Para as atividades diárias de uma criança, pois todas elas gostam de correr, saltar, brincar, estudar, é necessário um bom aporte de nutrientes necessários a essas múltiplas tarefas.

A falta de vitaminas e minerais no organismo de uma criança pode trazer consequências graves tais como comprometer o seu crescimento e o desenvolvimento normais.

Interromper o seu processo de aprendizagem e pode até deixá-la mais susceptível às infeções, ou seja, pode impedi-la de aproveitar uma das melhores fases da sua vida.

Vitaminas

Uma vez que o organismo não consegue produzir a maioria destes nutrientes, é necessário ingeri-los através de uma alimentação variada e equilibrada.

Alimentação: que influência tem na nossa saúde e bem-estar?

A alimentação é um tema cada vez mais discutido: que alimentos fazem bem, quais os que devemos evitar, quais as melhores práticas alimentares.

Ouvimos cada vez mais pessoas a dizer que vão passar a ser mais saudáveis e que para isso vão melhorar a alimentação ou que vão escolher alimentos que façam melhor à sua saúde.

Mas, afinal, qual é a relação entre os alimentos, a nutrição, a saúde e o bem-estar que toda a gente fala?

No entanto, nem sempre a alimentação das crianças prima pela variedade e/ou equilíbrio, pois o consumo de doces, alimentos industrializados, refinados e enlatados acabam, muitas das vezes, por substituir as refeições.

O excesso de consumo destes alimentos, pobres em nutrientes, e a falta de variedade de frutas e legumes frescos pode:

  • Provocar danos à saúde como atrasos no crescimento, problemas cognitivos, dentes e ossos frágeis, entre outros problemas de saúde.

Assim, e para garantir o desenvolvimento saudável e equilibrado da criança, podemos e devemos recorrer a CEREBRUM MINI KIDS M&M , o suplemento ideal da Natiris para todas as crianças.

Cerebrum Kids – O melhor amigo dos seus filhos!

Necessidades Nutricionais dos Jovens

Tanto a infância como a adolescência são caracterizadas por mudanças físicas aceleradas, crescimento e desenvolvimento que ocorrem em ritmo constante.

Estas alterações surgem influenciadas por factores hereditários, ambientais, nutricionais e psicológicos.

Fadiga ou Astenia

fadiga

Antes de mais, devemos relembrar as noções de fadiga e astenia.
George Bugard (1839-1883), utilizou pela primeira vez o termo neurastenia (astenia = fraqueza; neurastenia = fraqueza dos nervos) em 1968.

Ele e outros diziam:
“A fadiga é uma diminuição reversível da capacidade funcional e da excitabilidade dos tecidos e/ou do organismo consecutiva a um esforço e que desaparece em repouso.

Acompanha-se de sensações desagradáveis ou dolorosas que levam a interromper o esforço para evitar fenómenos de esgotamento”.

Ao contrário, a astenia, se por um lado ela é também “uma diminuição da excitabilidade e do poder funcional que se acompanha de sensações desagradáveis ou dolorosas, por outro ela não resulta do trabalho nem é reversível com o repouso.

Em relação à fadiga, que é um fenómeno fisiológico, a astenia pelo seu aspeto crónico, irracional e pouco reversível tem a ver com a patologia epidemiológica – importância do problema”.

Vários inquéritos convergem para resultados concordantes: a astenia, sob todas as formas, é responsável por 10 a 20% das consultas em medicina geral.

Sabemos que todas as categorias sociais e profissões estão envolvidas. Assinala-se uma discreta prevalência do síndrome asténico na mulher. Segundo a idade, nota-se uma diferença entre homens e mulheres.

Atitude a tomar perante a fadiga ou astenia

A fadiga é global: ela refere-se à capacidade em concentrar-se psicologicamente e em efetuar esforços físicos, às performances intelectuais e sexuais.

De um modo mais geral, impossibilidade de efetuar novas tarefas e dificuldade excessiva em continuar com atividades de rotina.

Muitas vezes surgem também outros fenómenos tais como dores variadas (cefaleias, dores abdominais, dores lombares, diarreia, náuseas, vómitos, etc.).

A solução passa, entre outras, por tomar diariamente CEREBRUM FORTE COM CEROSOMAS.
Os elementos nutricionais do CEREBRUM FORTE COM CEROSOMAS estão envolvidos nos processos metabólicos das células cerebrais e ajudam a estimular os neurónios e a memória.

Os cerosomas permitem “transportar” as substâncias nutritivas naturais, (oligoelementos, vitaminas e extratos vegetais) que compõem Cerebrum Forte. Libertando-as diretamente nas células correspondentes, garantindo assim a eficácia desejada.

Exames escolares: uma ajuda preciosa com Cerebrum Student

exames

Todos os anos, os exames dos adolescentes constituem uma verdadeira prova para eles…. Mas também para os que os rodeiam, isto é pais e restante família, stress, nervosismo, angústia são alguns dos comportamentos que é necessário saber gerir tanto da parte dos estudantes como dos pais.

exames

Necessidade de uma alimentação sã e equilibrada.

A alimentação de um adolescente, muitas das vezes, desequilibrada leva muitas vezes a situações de carência. O organismo mal alimentado reage e provoca distúrbios nervosos muitas vezes acompanhados por cansaço e irritabilidade.

Os cafés ou chocolates podem dar a sensação de um pico de energia momentânea. Mas este efeito é momentâneo e sem continuidade. Apenas uma alimentação equilibrada poderá fornecer o “combustível” necessário para os esforços intelectuais do dia.

Descanso e sono

Indispensável nos exames

Muitas vezes os estudantes não dormem o necessário: levantam-se cedo e deitam-se tarde! E nestas condições é difícil concentrarem-se ou prestar atenção durante muito tempo. Os nervos não resistem e o stress dos exames também não ajuda.

Os pais ou outros responsáveis devem providenciar para que em tempo de exames os estudantes respeitem o tempo de descanso e sono. Também é nesta fase que precisam de mais ajuda e alguns suplementos alimentares podem proporcionar um melhor equilíbrio, concentração e memória. A Natiris tem a solução com CEREBRUM STUDENT, pois contém nutrientes que alimentam o cérebro e podem melhorar a performance cerebral dos estudante.

CEREBRUM STUDENT o suplemento alimentar nota 20!

O desempenho escolar de qualquer estudante está dependente de 3 palavras-chave: CONCENTRAÇÃO, MEMÓRIA E ATENÇÃO.
Cerebrum Student tem uma formulação inovadora e completa, com nutrientes que contribuem para melhorar o rendimento intelectual dos estudantes, com um incremento da capacidade de concentração, memorização, criatividade, entre outras.

Há alimentos que ajudam a melhorar a memória e a concentração.

O  fundamental será manter uma alimentação saudável e completa em todos os nutrientes, ao longo do tempo, para garantir que também nessas alturas a função cognitiva será otimizada.

Na verdade, a capacidade intelectual vai depender do desenvolvimento intelectual de cada um e tal começa logo com a alimentação materna, por isso fica um alerta nesse sentido, às futuras mães.

Importante é que cada um esteja atento ao seu relógio biológico. E que não se esqueça de descansar. Oito horas de sono, já se sabe, é a recomendação, mas nem todas as pessoas têm as mesmas necessidades. Há quem precise de menos horas na cama e nem por isso tenha problemas de saúde.

A importância da água

Evitar o jejum prolongado e não saltar refeições E beber água também é muito importante. Sobretudo porque os exames acontecem já em época de calor. “Uma desidratação de apenas 1% de perda do peso corporal em crianças tem já repercussões na capacidade de memorização e de atenção”, também a ingestão de outros líquidos, como sopa e infusões sem açúcar.

Ginkgo Biloba: uma ajuda para manter vitalidade mental

ginkgo biloba

O Ginkgo biloba é proveniente de uma árvore de origem chinesa que é usada pela medicina tradicional chinesa há muitos anos. Alguns estudos têm indicado que o ginkgo biloba estimula a produção de óxido nítrico,  que relaxa a parede das artérias, dilata os vasos e melhora o fluxo sanguíneo. As propriedades da ginkgo biloba melhoram a circulação sanguinea,  que por sua vez ajuda com o funcionamento do cérebro, a visão e o sistema auditivo.

ginkgo biloba

O extrato desta planta é uma das 10 ervas medicinais mais usadas mundialmente. Este fitoterápico contêm duas substâncias ativas que são as responsáveis por seus efeitos no nosso organismo: flavonoides e terpenos.

Ouvimos dizer que com a idade esquecemo-nos de algumas coisas.

Será mito ou verdade?

A memória é a nossa capacidade de reter informação, armazenar e recuperar quando necessário informações que retivemos no passado.

A memória é originada através de experiências que vivemos ou que ouvimos.

Durante toda a nossa vida memorizamos imensa informação, na memória de curta, média e longa duração. E podemos recordar-nos destas informações durante muitos anos, se tivermos alguns cuidados com o nosso cérebro.

Ginkgo Biloba: uma ajuda para manter vitalidade mental

Os estudos recentes apontam efeitos diretos entre a toma de Ginkgo biloba e a capacidade para aumentar a memória e melhorar a circulação. Também tem sido estudado para diminuir o declínio cognitivo.

Tem diversas formas de atuação: ativação da circulação sanguínea no cérebro e das reações químicas que aí ocorrem; potente efeito antioxidante e propriedades vasodilatadoras.

 

A Natiris apresenta CEREBRUM + GINKGO BILOBA, o suplemento cujos ingredientes ajudam a reforçar a memória e estimular a microcirculação.

Benéfico também nos casos de: défices de memória, distúrbios na concentração, condição emocional depressiva, tontura, vertigem e zumbidos no ouvido, de origem vascular.

Mas atenção, os efeitos do Ginko Biloba não são sentidos imediatamente, deverá ser tomada o suplemento  durante pelo menos dois meses antes de se sentir a melhoria cognitiva.

Conheça os nossos suplementos:
Ginko Biloba Cápsulas e Ampolas